Spread the love

Alessandro Michele se inspirou em Walter Benjamin para criar a coleção Resort 2023 da Gucci.

O nome da coleção de Resort 2023 Gucci Cosmogonie veio da leitura do ensaio de Hannah Arendt sobre Walter Benjamin, cuja biblioteca foi confiscada pela Gestapo. “O que pode parecer, à primeira vista, atomizado e disperso, como estrelas no céu, aos olhos de Benjamin torna-se um conjunto de cumplicidades”, declarou Alessandro Michele.

Preciso falar um pouco sobre o local escolhido para o desfile: o Castel Del Monte. O local, inserido na lista de Patrimônios da Humanidade pela UNESCO, foi construído em 1240 por Frederico II de Hohenstaufen na cidade de Andria, na Puglia e é uma obra-prima da arquitetura militar medieval.  O rei, apaixonado por matemática, filosofia, poesia e astronomia, recebeu em sua corte estudiosos gregos, árabes, italianos e judeus.

Ele é geométrico com o oito como um tema central, com uma planta octogonal dividida em oito salas e cercada por oito torres octogonais.

Outro detalhe interessante é que o castelo possui elementos do norte da Europa, do mundo islâmico e da antiguidade clássica como leões na entrada, frisos internos e mosaicos.

Foto: Gucci.

“Eu procurava um lugar que desse graça ao mitológico. É um local onde medidas e proporções se cruzam como por mágica – da mesma forma que medidas de golas e jaquetas podem ser de alguma forma mágicas”, explicou Michele. “Achei que o castelo não deveria ser mantido envolto em silêncio, mas tinha que ser vivido e celebrado como provavelmente foi quando foi construído, uma espécie de Califórnia, o Vale do Silício da época”.

Constelações e galáxias vieram em strass na alfaiataria, simbolizadas em peças repletas de lantejoulas e projetadas no local do desfile.

Michele misturou períodos históricos como vibe anos 1970, rufos, luvas, calções com elástico, casaco que parecia de arminho, capas, além de roupas com estampas que remetiam a bobos da corte.

Havia, ainda, vestidos feitos com metros de veludo.

Ao mesmo tempo, os looks repletos de transparência eram bem atuais.

Os códigos da casa estavam presentes como os morangos, logomania e o uso das cores verde e vermelho.

Botas de cano alto com cadarços e sapatos tipo gladiador completavam as produções.

Uma pena que a coleção tinha mais de 100 looks, sendo que, alguns deles, destoavam muito dos demais.

Confira a seleção de looks:

Gostou do post? Compartilhe-o!

Siga-me no instagram: @passarelando

Acompanhe minha página no Facebook: Passarelando

Acompanhe-me no Youtube

Site | + posts

Bacharela em Direito e apaixonada por moda. Criadora do Passarelando. Escrevo sobre moda, história e arte, além de tendências, dicas, looks de Tapete Vermelho, inspirações para looks do dia e o melhor das Semanas de Moda Nacionais e Internacionais.