Spread the love

Na sexta-feira, 3/6, aconteceu o quarto dia de São Paulo Fashion Week (SPFW) N53 com onze apresentações incríveis.

 Confira a seguir os desfiles do quarto dia de SPFW N53:

Silvério

A coleção Delírio de Rafael Silvério é sobre a supressão de desejos nesse período de reclusão por conta da pandemia.

Havia estética tanto dos anos 1950 quanto da década de 1990 com toques de sensualidade.

A alfaiataria veio desconstruída em malha, sarja, crepe e algodão penteado com babados.

O preto dominou com toques de magenta, além de azul, mostarda e laranja.

Confira a seleção de looks:

Martins

Tom Martins se inspirou em filmes como O Mágico de Oz, Kill Bill, Pânico e Beetlejuice para criar a coleção de Primavera/Verão 2022 de sua marca.

Martins trouxe uma moda agênero com peças oversized e modelagens mais fluidas como camisas e vestidos.

As cores eram vibrantes como azul, verde, rosa e laranja, formando looks com colorblock, além de listras, máscara de Pânico e do glamour maximalista com muito paetê, miçangas e plumas.

Destaque para as sandálias criadas em parceria com a Rider.

Confira a seleção de looks:

João Pimenta

Para a sua coleção de Primavera/Verão 2023, João Pimenta encerrou o capítulo de sentimentos sobre a pandemia com um desfile completamente preto, como em um funeral, deixando para trás todos os traumas desse período pandêmico.

Os looks completamente monocromáticos nos fazem olhar para a riqueza de detalhes e as diferentes texturas nas sobreposições com tule e renda.

Havia uma mistura de referências históricas que remetiam ao período gótico e à era vitoriana. Destaque para as anquinhas!

Apareceram, ainda, saias volumosas, blazers, jaquetas e muitas peças em veludo.

No final do desfile vieram peças ainda mais trabalhadas com alfinetes, paetês e brilhos que formavam caveiras e esqueletos.

Confira a seleção de looks:

Lino Villaventura

Estampas de fogo em vestidos, jaquetas, calças e galochas tomaram conta dos primeiros looks do desfile.

Destaque para nervuras em casacos, blusões, e vestidos formando detalhes quase que arquitetônicos.

Havia, ainda, patchworks, plissado, assimetria, bordados e brilho em peças suaves e fluidas.

Confira a seleção de looks:

Walério Araújo

O estilista buscou inspiração nas suas origens, nas feiras alternativas dos anos 1990, para celebrar a pluralidade em sua mais nova coleção.

Aqui, o mais era mais. Havia muito brilho com paetês, plumas, tule, vinil, franjas e estampas.

Além disso, Araújo convidou pacientes de hipertensão arterial pulmonar para desfilar sua estampa exclusiva de borboleta azul, inseto que representa A Vida Merece Um Fôlego, campanha da Janssen e da Associação Brasileira de Apoio à Família com Hipertensão Pulmonar e Doenças Correlatas (Abraf).

Confira a seleção de looks:

Gostou do post? Compartilhe-o!

Siga-me no instagram: @passarelando

Acompanhe minha página no Facebook: Passarelando

Acompanhe-me no Youtube

Site | + posts

Bacharela em Direito e apaixonada por moda. Criadora do Passarelando. Escrevo sobre moda, história e arte, além de tendências, dicas, looks de Tapete Vermelho, inspirações para looks do dia e o melhor das Semanas de Moda Nacionais e Internacionais.