Annemarie Schwarzenbach serviu de inspiração para a coleção criada por Clare Waight Keller, diretora criativa da Givenchy

Schwarzenbach foi escritora, jornalista e fotógrafa do início do século XX. Desde cedo, ela adotou o estilo andrógeno, sendo frequentemente confundida com um menino. As viagens eram sua válvula de escape, tendo efetuado reportagens pela Europa, Oriente Médio, África e Estados Unidos. 

Inspirada por essa personagem, Keller criou ternos, vestidos plissados leves com cortes assimétricos e femininos e paletós pretos usados com meias grossas e práticas. Além disso, trouxe vestidos com estampa floral, completos com micro capas nos ombros, blazers ou jaquetas de couro enfiadas nas calças de influência militar. 

Os acessórios eram grandes! Enormes e dramáticos brincos e óculos brilhantes, looks usados com duas bolsas, pochetes e alguns sapatos com kitten heels.  

Confira a seleção de looks: