Clare Waight Keller trouxe uma coleção de alta-costura intitulada Noblesse Radicale, que pode ser traduzida como “nobreza radical”, para o Outono 2019 da Givenchy

“Eu quis me desafiar para algo que fosse mais teatral. É a ideia de uma mulher anárquica que vem através do château e de todos os elementos que você encontraria lá. Eu gosto da ideia de que o château não era perfeito. Foi parte da maneira como descobri o espírito e a garota desse show”, afirmou Waight Keller sobre a coleção. 

O piso gráfico inspirou as peças em preto e branco que deram início ao desfile, com vestidos de tweed de estampas xadrez, vestidos decorados com penas e ternos de ombros fortes.

Vieram silhuetas volumosas de vestidos de tafetá e capas, além de um pouco de rosa. 

Rendas, brocados metálicos, babados e saias e blazer repleto de lantejoulas apareceram como uma desconstrução de trajes reais do século XVIII. 

Penas em vestidos de baile representavam uma “mulher-pássaro presa na casa”, de acordo com Waight Keller.  

Para as noivas, camadas de seda plissada, renda, franjas e penas. 

Confira a seleção de looks:

 

Fontes: Vogue Runway e NowFashion.