Mary Katrantzou escolheu o Templo de Poseidon, na Grécia, para mostrar sua coleção de Primavera 2020

 Algumas horas após o pôr-do-sol, o governo lhe concedeu o uso do Templo de Poseidon em Cape Sounion.

“Eu queria usar as ideias que nasceram aqui, no século V a.C., quanto o templo foi construído. Filosofia, teologia, biologia, astronomia, trigonometria. Ideias que são tão abstratas – palavras que nasceram aqui há dois mil e quinhentos anos atrás – e a maravilha de que elas possam ser tão relevantes hoje”, declarou Katrantzou

As peças de alta-costura retrataram a influência da cultura grega na civilização ocidental. 

Cada peça era única! 

O desfile começou com a famosa frase de Sócrates: “Só sei que nada sei”, escrita em grego em camadas de franja de seda.

Um vestido de cetim dourado de cobre e rendas metálicas com miçangas e bordados representava a alquimia, enquanto outro com franja sombreada de cobre e bronze exibia um bordado com serpentes em prata, entrelaçadas em volta de um cajado, o símbolo da medicina. Já o vestido com peplos plissados e um top prata todo bordado fazia alusão à justiça.  

Os números em espiral representando o infinito de Pi. Havia, ainda, estampa de mapa dos céus e de bússolas relacionando a Grécia como a cultura que se espalhava pelo mundo pelos mares. 

Eram impressionantes os trajes feitos com flores. 

Sandálias da Grécia Antiga, Vangelis para a trilha sonora, Aegean Airlines para levar pessoas e The Four Seasons para as acomodações de luxo. Além disso, foram recebidos milhões de euros em diamantes de arquivo da Bulgari que adornavam os pescoços e pulsos das modelos. “Descobri que Sotirios Bulgari nasceu na Grécia antes de ir para Roma”, disse ela. 

A lista de convidados, que contou com a presença da ex-rainha da Grécia, a ex-princesa da Sérvia, uma sheikha do Bahrein e Kerry Kennedy, compraram ingressos para o desfile em parceria com a Associação de Amigos e Crianças com Câncer de Elpida. Katrantzou juntou-se à Marianna Vardinogiannis, cuja fundação ajuda crianças com câncer há 30 anos. Ao final do desfile, algumas dessas crianças andaram na passarela com a estilista. As crianças ficaram lado a lado com as modelos vestidas de representações da cultura grega antiga. 

Confira a seleção de looks: