Maxime Simoëns, diretor criativo da Azzaro, inspirou-se numa viagem aos trópicos, com um toque exótico.

Trouxe folhas de palmeiras e franjas da selva, com estampas de folhas.

Os meus preferidos foram os vestidos plissados de Lurex, que iam do rosa pastel para azul ou lilás para laranja, formando, assim, tons de pôr do sol.

Ternos descontraídos com botões de cristal, uma mistura de feminino e masculino. Havia, também, vestido simples branco com uma faixa que ia de dourado a prateado.

Confira nossa seleção de looks:

 

Fonte: Vogue Runway.