“Devoção da moda” foi o nome dado à coleção de Outono da Dolce & Gabbana, que brincou com a ideia de santos e pecadores.

 

A fachada foi uma homenagem à igreja barroca Oratio di Santa Cita em Palermo, na Sicília, ilha onde Dolce nasceu.

Antes das roupas, oito drones apareceram, cada um com uma bolsa de mão da Dolce & Gabbana (é a tecnologia nas passarelas!).

Domenico Dolce e Stefano Gabbana se identificam como católicos italianos e com esta coleção, resolveram mostrar sua “bíblia de estilo” para todos.

Calças e casacos sofisticados de belos brocados, detalhes em renda, espartilhos, estampa de querubins e até vestido de lantejoulas “Virgem Maria” e um manto preto de “sacerdote”. Os acessórios eram extravagantes: coroas, maxi colares de crucifixos e brincos. As bolsas e os sapatos, sempre criativos, com formatos e estampas diferentes e algumas delas, inusitadas.

Roupas com estilo esportivo como bomber jackets de seda, calças e blazers de veludo e vestidos para a noite usados com tênis e meias. Ainda, peças mais descontraídas como casacos e calças jeans e inscrições pop de cartoons em casacos e óculos.

Além da temática religiosa, foram apresentadas composições formadas por peças de estampa animal.

Confira:

 

Fonte: Vogue Runway.